skipnavigation

Custos altos na Indústria de Eventos, tendências para observar em 2018

Amsterdã - 7 de Setembro de 2017

 

Os custos gerais por participante, por dia, para eventos, globalmente, aumentaram em 2017, e é esperado que continue nesta progressão no próximo ano, de acordo com o relatório: 2018 Meetings and Events Future Trends.

 

Lançado hoje pela CWT Meetings & Events (CWT M&E), divisão global de eventos e conferências da Carlson Wagonlit Travel, o relatório mostra as diferenças regionais e projeções de custos, bem como as tendências mais recentes para a indústria e os destinos mais buscados.

 

“Os custos estão subindo em mercados chave para Eventos, globalmente”, disse Cindy Fisher, Vice-Presidente Sênior e Líder Global da CWT M&E. “Com um aumento de 3,7% nas tarifas aéreas e nas projeções para hotéis para o próximo ano, é previsto que esta tendência permaneça”.

 

Isso terá impacto significativo sobre alguns dos destinos mais buscados: certos locais mais populares podem presenciar queda de procura no próximo ano. Por exemplo, os três destinos mais buscados globalmente para eventos, em 2017, foram Paris, São Paulo e Rio de Janeiro.

 

É esperado que a capacidade global da indústria aérea cresça cerca de 7% em 2017 e 6% em 2018. A segmentação das tarifas aéreas está ampliando o apelo aos viajantes, uma vez que eles, agora, são capazes de comprar a partir de opções que incluem uma tarifa básica econômica restrita, ou diversas tarifas atualizadas, com mais opções de serviços. Já para hotéis, há uma pressão progressiva de fornecedores para transferir compradores corporativos de tarifas fixas negociadas de hotel para preços de tarifas dinâmicos.

 

Tendências e dicas para aprimorar Eventos e Conferências em 2018:

Indo além das estatísticas para a base do que isso significa para o mercado de Eventos, este relatório também explora as tendências mais recentes para a indústria e oferece recomendações, sendo as 5 principais:

 

  1. Foque em ‘Por quê’  Defina objetivos claros, inicialmente, e utilize-os para determinar seu orçamento. Coloque maior ênfase no engajamento de participantes e meça-o.
  2. Orçamento – Sempre comece com o valor que pode ser gerado pelo evento. Um ROI claro é essencial para o investimento contínuo e para eventos de sucesso.
  3. Experiência do participante Torne todo o processo o mais simples possível.
  4. Tecnologia  Utilize tecnologia para facilitar processos e criar experiências personalizadas e amigáveis aos participantes.
  5. Segurança e Assistência – Planeje em linha com os riscos de cada situação para segurança física e cibernética, e para não impactar os participantes.

 


Clique na imagem para o infográfico

 
América do Norte

A América do Norte presenciou um aumento de 3% no custo por participante, por dia, em 2017, com novo crescimento da oferta ligeiramente superior à demanda. Nos Estados Unidos, os preços para hotel e aéreo podem presenciar aumento de 2,5% em 2018, com expectativa de crescimento de novas ofertas e aumento de demanda aproximadamente equivalentes.

 

É esperado que os preços de hotel aumentem em 2018, com as taxas de oferta e demanda crescendo aproximadamente na mesma proporção. Além disso, viagens domésticas de lazer vêm crescendo, o que pode levar os hotéis a limitarem bloqueios de grupos em períodos de maior procura.

 

De acordo com os dados de reservas reunidos pela CWT M&E, os 10 destinos mais buscados para eventos na América do Norte, em 2017, foram:

 

  1. Nova York, EUA
  2. Toronto, Canadá
  3. Cupertino/San Jose, EUA
  4. Chicago, EUA
  5. Indianápolis, EUA
  6. San Francisco, EUA
  7. Austin, EUA
  8. Houston, EUA
  9. Orlando, EUA
  10. Las Vegas, EUA

 

Destinos como Havaí, Washington DC, Nova Iorque e a região vinícola da Califórnia, permanecem populares para a realização de eventos. Também é esperado que localidades no Arizona se tornem mais populares, conforme novos hotéis se tornem online em 2018. Porém, enquanto a demanda ultrapassar a oferta, dificilmente presenciaremos mudanças a partir de 2017.

 

América Latina

O custo por participante para eventos na América Latina aumentou 1% em 2017. Em 2018, é previsto que os custos de aéreo e hotel sofram crescimento nominal em toda a região, com algumas variações locais notáveis.

 

No âmbito de hotéis, uma tendência na região, particularmente na Argentina, é que organizadores de eventos percam acomodações de luxo em troca de melhores opções de refeição e bebidas, melhor oferta de Wi-Fi e serviços mais flexíveis. Isso está impulsionando a demanda em hotéis de categoria midscale em toda a região. É previsto que os custos com locação de espaços aumentem de 3 a 5% em mercados populares como Colômbia e México, enquanto o cenário para a região apresenta um aumento de 2% nos custos com espaços.

 

De acordo com os dados de reservas reunidos pela CWT M&E, os 10 destinos mais buscados para eventos na América Latina, em 2017, foram:

 

  1. São Paulo, Brasil
  2. Rio de Janeiro, Brasil
  3. Cidade do México, México
  4. Bogota, Colômbia
  5. Buenos Aires, Argentina
    *Apenas cinco destinos foram selecionados, pois notou-se uma queda de demanda por espaços / destinos após Buenos Aires.

 

Em 2018, é prevista uma redução de 20% no tamanho de grupos no Brasil, devido ao enfraquecimento da economia e, portanto, clientes com orçamento menor buscarão realizar eventos localmente. A cidade do Rio de Janeiro deve receber muitos eventos, impulsionado pela oferta de novos hotéis e espaços após o acontecimento dos Jogos Olímpicos na cidade.

 

Desenvolvimentos em larga escala de hotéis e remodelações na Colômbia estão tornando este país um destino buscado para o mercado de eventos dos EUA. Por exemplo, acomodações na cidade de Medellín estão sendo aprimoradas consideravelmente, bem como seus centros de convenções. A região do café está ainda mais atrativa em função de seus custos mais baixos e por se diferenciar dos destinos mais comuns.

 

Outros destinos menos conhecidos estão começando a deixar sua marca na região, incluindo o exótico, mas ainda acessível, Deserto do Atacama no Chile e as Cataratas do Iguaçu, na fronteira entre a Argentina e o Brasil.

 

Europa, Oriente Médio e África

O custo por participante para eventos na Europa, Oriente Médio e África aumentou 4% neste ano. Os custos estão aumentando ligeiramente, enquanto a economia na região se mantém equilibrada, com base na inflação e nas flutuações cambiais. Em termos reais, os custos de eventos estão subindo de maneira incremental, e isso é esperado também durante 2018.

 

Com isso, o Brexit poderia marcar uma forte mudança para a maior parte da Europa. Até a presente data, o principal impacto foi atrair turistas para o Reino Unido devido à redução no valor da Libra Esterlina. Porém, é muito cedo para determinar os principais impactos. Para isso, uma previsão somente será possível em 2019, quando o Reino Unido deixará permanentemente de integrar a União Europeia.

 

O mercado hoteleiro de EMEA não possui a mesma pressão sobre oferta em relação às Américas. Não se trata de um mercado vendedor e os hotéis vêm desagregando custos. Há um movimento de desassociação de programas e acordos de tarifas para rate caps, bem como uma mudança de tarifas baseada em diárias para tarifas baseadas em quartos, alimentos e bebidas, equipamentos audiovisuais, entre outros fatores.

 

De acordo com os dados do Cvent, os 10 destinos mais buscados para eventos na Europa, Oriente Médio e África, em 2017, foram:

 

  1. Londres, Inglaterra
  2. Barcelona, Espanha
  3. Berlim, Alemanha
  4. Amsterdã, Holanda
  5. Paris, França
  6. Madri, Espanha
  7. Frankfurt, Alemanha
  8. Roma, Itália
  9. Munique, Alemanha
  10. Praga, República Tcheca

 

Não se pode ignorar o impacto de segurança e assistência quando se trata da seleção de espaços na região, com muitos países sendo considerados indisponíveis. Ataques terroristas que ocorreram nas cidades de Barcelona, Berlim, Bruxelas, Londres, Manchester e Paris, também representam um impacto, mesmo que no curto prazo.

 

Contra este cenário, Itália e Portugal estão se tornando mais populares com seus preços razoáveis. Alemanha e Reino Unido permanecem os mais populares, porém. Cidades específicas como Berlim, Dusseldorf, Colonia e Viena estão atraindo mais interesse.

 

Há também novos destinos emergentes, particularmente para o mercado de incentivos, liderados por Bordeaux, Toulouse e Palma de Mallorca. Estes estão desenvolvendo novas estruturas e facilidades, e possuem novas conexões de viagens ou existentes, além de oferecerem preços inferiores.

 

Ásia Pacífico

O custo por participante, por dia, para eventos na região da Ásia Pacífico, aumentou 5% em 2017. Os preços, porém, não sofreram alteração significativa, tanto para hotéis como companhias aéreas, com aumentos de 3,5% e 2,8%, respectivamente.

 

Hotéis permanecem como escolha de espaço em grande parte da região, particularmente na China, em função de aberturas frequentes de novos empreendimentos. A Austrália e a Nova Zelândia diferem do restante da região, neste sentido, uma vez que não presenciaram muitos desenvolvimentos em sua oferta hoteleira recentemente, por isso há maior demanda por espaços únicos.

 

Apesar da oferta hoteleira crescente na China, os preços são previstos a continuar subindo tanto para viagens a lazer como corporativas.

 

De acordo com os dados de reservas reunidos pela CWT M&E, os 10 destinos mais buscados para eventos na Ásia Pacífico, em 2017, foram:

 

  1. Cingapura
  2. Sydney, Austrália
  3. Bangkok, Tailândia
  4. Kuala Lumpur, Malásia
  5. Hong Kong
  6. Shanghai, China
  7. Melbourne, Austrália
  8. Tokyo, Japão
  9. Mumbai, Índia
  10. Seul, Coréia do Sul

 

De maneira geral, nesta região, segurança tem limitado o desejo das pessoas em viajar para a Indonésia, Malásia, Filipinas e Tailândia, em função de seus desafios geopolíticos. Apesar de certas ameaças, o governo da Tailândia tem trabalhado com afinco para motivar os viajantes, e esta medida tem gerado maior número de visitantes.

 

Os hotéis da China são inovadores e voltados a negócios, com diversos players e muitas cadeias hoteleiras. As políticas do governo chinês, de somente utilizar hotéis locais, ajuda a pressionar os preços para baixo, o que, combinado com a relativa ausência de preocupações com segurança, fizeram da China um destino favorável para eventos.

 

Cingapura permanence no eixo para eventos, devido à sua abundância de espaços relevantes e excelentes conexões aéreas. A Coréia do Sul e o Vietnã são destinos emergentes, especialmente pois Pyeongchang, na Coréia do Sul, sediará em 2018 os Jogos Olímpicos de Inverno.

 

Taiwan também se encontra neste eixo, porém com baixa demanda de viajantes chineses devido à necessidade de um visto específico para viagens. Esta restrição representa preços de hotéis estáveis, mesmo com a abertura de novos empreendimentos, o que caracteriza um importante impulsionador.

 

Tóquio apresenta custos mais altos em relação a outras áreas do Japão, mesmo possuindo importantes conexões. Kyoto, Okinawa e Osaka estão crescendo em popularidade, particularmente para cidadãos da APAC, devido à sua oferta de voos diretos.

 

Sobre a CWT Meetings & Events

A CWT Meetings & Events é a divisão de eventos e conferências da Carlson Wagonlit Travel. Entregamos 35.000 eventos criativos e de alta qualidade a clientes todos os anos, em todos os setores da indústria, globalmente. Nosso conhecimento criativo nos ajuda a entregar eventos inspiradores, enquanto nossa expertise em logística garante serviços profissionais de eventos, grupos de viagens e conformidade com políticas corporativas.

 

CWT Meetings & Events é a divisão de reuniões de eventos da Carlson Wagonlit Travel.

 

Siga-nos no Twitter @CWT_ME e no LinkedIn

 

Sobre a Carlson Wagonlit Travel

Empresas e governos confiam na Carlson Wagonlit Travel para manter seus colaboradores conectados. Oferecemos aos viajantes uma excelente experiência de viagens, combinando tecnologia inovadora com a nossa vasta experiência. Todos os dias cuidamos de quantidade suficiente de viajantes para acomodar cerca de 200 Boeing 747s, 100.000 quatros de hotel e comandar 95 eventos corporativos. Contamos com mais de 18.000 colaboradores em mais de 150 países, e em 2016 obtivemos um volume total de transações de US$ 23 bilhões.

 

Siga nossas redes sociais: Twitter @CWTBrasilFacebook e Linkedin

 

About Artemis Strategy Group

Artemis Strategy Group (Artemissg.com) is a communications research firm specializing in brand positioning, thought leadership and policy issues.

 

 

Contato de Mídia:

Alistair Hammond

Global Director of Media Relations

T: +44 203 353 1454 / M: +44 771 773 0441

alistair.hammond@carlsonwagonlit.com

 

 

 

Notas aos Editores:

 

Metodologia:

As informações e descobertas contidas no relatório “2018 Meetings and Events Future Trends” são baseadas em:

  • Experiência específica sobre o mercado e conhecimento sobre a indústria de viagens dos colaboradores da CWT M&E, globalmente, e dados de gastos de clientes que integram o portfólio da CWT no mundo.
  • O estudo “2018 Global Travel Price Forecast” elaborado pela Carlson Wagonlit Travel em conjunto com a GBTA.
  • Dados suportados pela Cvent, Lanyon, EBMS, MeetingBox e Smith Travel Research.